ULTIMAS NOTÍCIAS

Bandidos de facções criminosas estão entre os 86 detentos que fugiram durante as rebeliões


A Secretaria Estadual da Justiça e da Cidadania (Sejus) não divulga para a Imprensa, mas já tem como certa a fuga de, pelo menos, 86 presos desde o começo das rebeliões nas unidades carcerárias estaduais situadas na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF). E o pior: entre os foragidos estariam 35 integrantes das quatro facções criminosas que dominam o Sistema Penal cearense:  Primeiro Comando da Capital (PCC), Comando Vermelho (CV), Guardiões do Estado (GDE) e Família do Norte (FN).
A fuga dos bandidos considerados de altíssima periculosidade e membros das facções que ordenam os crimes de dentro da cadeia – agora em liberdade -  estava sendo mantida em absoluto sigilo por determinação da direção da Sejus, mas vazou nas últimas horas mesmo com a Secretaria ameaçando punir qualquer um dos seus servidores que repassem informações para a Imprensa.
A fuga do assaltante de bancos cearense Antônio Jussivan Alves dos Santos, o “Alemão”, que comandou o furto de R$ 164,8 milhões do cofre do Banco Central, em Fortaleza, em agosto de 2005, não foi nem confirmada nem desmentida pela secretaria.  Todavia, setores da Segurança Pública digam que sim.
Já em relação à suposta morte do estuprador e homicida Antônio Carlos Xavier, o “Casim”; e do ex-policial militar e pistoleiro Jean Charles da Silva Libório, informações de agentes prisionais revelam que eles estão vivos, pois cumprem pena na Penitenciária da Pacatuba, unidade que não sofreu rebelião no fim de semana.
Transferência e fuga
Outra informação que vazou nas últimas horas revela que parte dos detentos das cadeias que foram depredadas durante a rebelião teriam sido transferidos para a CPPL 5, em Itaitinga, que ainda não foi concluída, estando, portanto em obras e com previsão de inauguração apenas para dezembro. Entretanto, na madrugada desta quarta-feira (25), vários detentos também teriam escapado daquela unidade.

Blog do Fernando Ribeiro

Postagem mais recente Postagem mais antiga