ULTIMAS NOTÍCIAS

Mulher permite marido morar com duas amantes em casa


O americano Paulie Hussle, de 32 anos, mora numa casa ampla em New Jersey (EUA). Vive ali com a mulher, Vanessa (à esquerda dele, na foto), 31, três crianças, filhos deles, e duas mulheres. A família só cresceu recentemente. Não por causa da chegada de outros filhos. É que Paulie convenceu a mulher a levar suas duas amantes (também na foto acima) para ficar com eles. Vanessa demorou a topar. Mas hoje o quarteto formado pelo marido, mulher e amantes se dá muito bem, inclusive na cama: almoçam, jantam, saem e até dormem juntos.

Calma aí: sexo a quatro? É isso mesmo... Entenda como funciona essa relacionamento doido  Paulie chamou Lady, de 25 anos, e Hazel, de 27, para viver com a família e o esquema, garantem ele e a mulher Vanessa, vem dando certo.

"Não temos brigas", assegura o marido, um empresário do mundo da moda.

"As duas que chegaram em casa não são mais amantes, não", avisa Paulie. "São minhas outras duas esposas"

O relacionamento incomum e, nas palavras de Paulie, "liberal"tem a aprovação irrestrita da esposa oficial. "Vanessa leva tudo numa boa", diz ele. "Não tem ciúme, não"

O casamento a quatro tem causado estragos nas redes sociais. A maioria detona a ideia. "Me chamam de machista, de sultão, de aproveitador, folgado, essas coisas. Até me chamam de sultão", diz.

— Não ligo. Nem minhas mulheres, que são muito carinhosas e compreensivas comigo.

O barulho virtual foi tanto que os tabloides britânicos e os jornais europeus mostraram o dia a dia dessa união não muito comum.

Vanessa, que é engenheira, confessa ao Daily Mail: "Não fiquei muito feliz quando descobri que Paulie tinha um caso. E meu coração acabou destroçado quando descobri que havia mais uma ainda".

Vanessa teria outra surpresa desagradável: Paulie chamou-a para conversar e propôs que "tudo ficasse às claras"

E, com uma lábia implacável, Paulie fez mais: convenceu a mulher que a melhor saída para todos seria morar com as duas mulheres e as crianças.

"Fiquei em choque, perplexa, com a proposta", admite Vanessa.

Essa é a foto da época em que ela e Paulie se casaram, em 2006. "Nos conhecemos na faculdade, Vivemos uma grande paixão e nos casamos dois anos depois", conta ele, lebrando da época em que estudavam na Universidade de St Peters, em New Jersey.

Os dois chegaram a se separar, três anos após se casarem. "Brigamos muito depois de um tempo juntos. Vanessa me deixou. Acabei conhecendo Lady e, depois, Hazel"

A separação durou um ano. "Mas éramos amigos nesse período", afirma Vanessa.

Na época da separação, eu não estava bem, mesmo com outras duas mulheres. Porque também amava Vanessa e sentia falta dela", lembra Paulie.

O quarteto tem um blog, que escrevem juntos: chama-se algo como Poliamor, As Esposas de Paulie. O apelido dele é Pauliegamie — pra quem não saco, trata-se da mistura do nome com poligamia.

Hora 7  


Postagem mais recente Postagem mais antiga