ULTIMAS NOTÍCIAS

Terrorista do estado Islâmico obrigou homem a filmar padre ser degolado em igreja da França


Um homem de 87 anos que sobreviveu ao ataque do Estado Islâmico na igreja Saint-Etienne-du-Rouvray na Normandia, na França, foi forçado a filmar o ataque ao padre Jacques Hamel num dos telefones dos terroristas. Segundo o jornal “Daily Mail”, o homem identificado como Ray está em estado grave após também ser atacado.

Adel Kermiche tinha 19 anos e foi morto pela polícia Foto: Reprodução do Facebook
Sua mulher, identificada como Jeannie, disse que os dois terroristas disseram a ela e a três freiras que suas vidas seriam poupadas. Ela revelou que o padre e o marido estavam com medo de morrer. O padre foi esfaqueado no pescoço, costas e braços e morreu no altar, enquanto Ray está em estado grave. Uma freira que conseguiu escapar chamou a polícia, que matou os dois jihadistas ligados ao Estado Islâmico.

Terrorista tinha 19 anos

O promotor francês François Molins afirmou nesta terça-feira que um dos dois jihadistas tinha 19 anos de idade. O militante islâmico foi identificado como Adel Kermiche.
Segundo a agência de notícias “AFP”, Kermiche era conhecido pelos serviços de segurança, depois de ter sido preso duas vezes em seu caminho para a Síria. Ele estava sob prisão domiciliar e usava uma pulseira de monitoramento eletrônico no momento do ataque.
O perfil do Facebook do jovem não está mais disponível, mas internautas estão compartilhando as imagens dele, que foi divulgada também pela imprensa europeia. Segundo o "Daily Mail", Kermiche vivia com os pais em Saint-Etienne-du-Rouvray após passar um tempo na prisão na França e na Suíça.

Extra Online

Postagem mais recente Postagem mais antiga