Header Ads

Header ADS

TV Varjota em Destaque - Ao vivo

Quatro presos são queimados vivos na Casa de Privação Provisória CPPL III

Quatro detentos foram mortos dentro da Casa de Privação Provisória de Liberdade Professor José Jucá Neto, a CPPL III, em Itaitinga, Região Metropolitana de Fortaleza (RMF). Os corpos dos presos foram encontrados na madrugada desta segunda-feira (3), todos carbonizados, segundo informações da Polícia Militar (PM). As vítimas ainda não foram identificados.

A Polícia informou, ainda, que não houve rebelião na unidade prisional.

Uma equipe da Perícia Forense (Pefoce) foi acionada até a CPPL III, para recolher os corpos dos presos.

Entramos em contato com a Secretaria da Justiça e Cidadania do Estado do Ceará (Sejus), responsável pelos presídios do Estado, que se pronunciou por meio de nota, informando como aconteceram as mortes na unidade. Segundo o órgão, internos de uma das vivências quebram a grade superior de uma das celas, de onde retiraram os quatro presos que foram mortos.

Haverá uma investigação para apurar o que teria motivado as mortes. Uma das linhas a ser investigada é que os presos tenham sido assassinados após uma briga entre grupos rivais.

Confira a nota da Sejus

“A Secretaria da Justiça e Cidadania do Estado informa o óbito de quatro internos da Casa de Privação Provisória de Liberdade Professor José Jucá Neto (CPPL III), na madrugada desta segunda (03). Por volta das 3 horas, internos da vivência C da unidade prisional quebraram a grade superior e invadiram o isolamento da unidade, retirando as quatro vítimas. Os presos tiveram seus corpos carbonizados. A identidade só será divulgada após os exames periciais. Nesta manhã, a Perícia Forense e a Delegacia de Homicídios estiveram na unidade adotando as medidas necessárias.”

Mais detalhes no decorrer do dia.

Com informações do CNEWS
Foto ilustrativa
Tecnologia do Blogger.