Header Ads

Header ADS

TV Varjota em Destaque - Ao vivo

Ariane Venâncio Musa do Palmeiras promete ficar nua caso time seja campeão

Ariane Venâncio saiu rouca do último jogo do Palmeiras de tanto gritar na torcida pelo time. Atual musa do clube, ela já está ansiosa pela partida decisiva do Brasileirão neste domingo, 27, quando o time enfrenta o Chapecoense no Allianz Parque, em São Paulo. Sua aposta? “Dois a zero. Creio muito que vai dar tudo certo. E já deu”.

Formada em Gestão Ambiental, Ariane, de 26 anos, largou a carreira para se dedicar aos trabalhos como modelo. A moça, que também atua como professora de inglês e é destaque de chão na escola de samba Mancha Verde, promete uma surpresa para os torcedores, caso o "Verdão" leve o título para casa. “Se o Palmeiras ganhar, vai ter uma pintura corporal, algo mais sexy para os torcedores. Se o Palmeiras ganhar, a gente tira a roupa”, disparou ela - já com pouquíssima roupa - durante sessão de fotos para o EGO no L’Osteria Palestra, na capital de São Paulo.

Ariane só destacou que não fará isso nem no estádio nem na quadra da Mancha Verde, para onde seguirá para celebrar a vitória, caso aconteça. “Cumpro a promessa, provavelmente, na segunda-feira”, afirmou Ariane.
Musa do Palmeiras desde julho, Ariane contou que o assédio aumentou. Mas garante que nunca se relacionou com nenhum jogador. “Recebi algumas propostas para sair, viajar. Mas eles têm muito respeito por mim, me conhecem. Conheço muitos dos 'imortais' (grupo de atletas que fizeram história no clube), são superfofos, queridos. Mas é aquela coisa, mulher, homem.... Existe, sim, uma admiração por ser musa do time”, confidenciou.
Ao menos até entregar a faixa, Ariane, que está solteira, pretende se manter longe de qualquer relacionamento amoroso com os atletas. “Como musa, a gente participa, fica junto, torce. Prefiro só admira-los jogando em campo”, garante. Mas e em 2017? “A gente pode pensar, dependendo... (risos)”.
Em campo
Ariane não é apenas admiradora de jogos de futebol. Ela também já mostrou habilidade em campo. "Desde pequena sou torcedora fanática e sempre gostei de jogar. Minha mãe falava que eu parecia um menino (risos). É amor mesmo", contou ela, que nunca pensou em se profissionalizar. "Só por diversão. Mas nunca pensei em jogar profissionalmente. Sou toda ladyzinha. Jogava futebol e quebrava o pé, mas adorava (risos)."

fonte:ego












Tecnologia do Blogger.