ULTIMAS NOTÍCIAS

Camocim:Preso é espancado e morto dentro de cadeia pública


Um homem identificado como Manoel Ivanildo Almeida Chaves, 48 anos, natural de Pedra Branca, foi brutalmente espancado nas dependências da cadeia pública de Camocim e morreu três dias depois.

Entenda

Manoel Ivanildo foi preso por uma equipe da Força Tática durante a tarde da última segunda-feira, 09, sob a acusação de ter agredido e ameaçado a sua ex-companheira. Na ocasião o homem foi conduzido para a DPC de Camocim onde foi autuado em flagrante delito por crime de lesão corporal combinado com Lei Maria da Penha, sendo conduzido ainda durante a tarde do dia 09 para a cadeia pública de Camocim.

Espancamento

Por cultura, os detentos não toleram indivíduos que agridem mulheres, a recepção não costuma ser das melhores. Manoel Ivanildo foi colocado no albergue onde fica os detentos do semiaberto e foi terrivelmente espancado. Os detentos teriam escolhido a madrugada de segunda para terça (09/10) para realizar a sessão de espancamento. De acordo com informes repassados ao blog Camocim Polícia 24h, além do espancamento, os detentos ainda teriam queimado parte dos pés da vítima, deixando-o gravemente ferido.
Somente durante a manhã de terça, 10, foi que o agente plantonista tomou conhecimento do ocorrido. O juiz responsável pela cadeia foi informado e resolveu realizar imediatamente a audiência de custódia e pôs a vítima em liberdade para que procurasse tratamento adequado.

Óbito

Já durante a manhã de quinta-feira, 12, ocasião em que o homem já estava em liberdade e bastante debilitado, o mesmo foi procurar tratamento no hospital e infelizmente veio a óbito horas depois. A Justiça deverá apurar como se deu o espancamento e penalizar os detentos culpados pelo crime.

Camocim Polícia 24h

Postagem mais recente Postagem mais antiga