Header Ads

Header ADS

TV Varjota em Destaque - Ao vivo

Homem é executado a tiros dentro de igreja católica em Fortaleza




Um homem foi assassinado a tiros, dentro de uma igreja católica, no bairro Barroso, em Fortaleza, por volta de 17h50 deste domingo (1º) - dia em que é celebrada a Ressurreição de Jesus Cristo no catolicismo.

Ninguém foi preso pelo crime, até a publicação desta matéria. O homicídio foi confirmado pelo supervisor do Comando de Policiamento da Capital (CPC), major Carlos Paulino.

De acordo com informações apuradas pela TV Diário no local do crime, a vítima, identificada como Francisco Fábio dos Santos, de 40 anos de idade, era usuário de drogas e já vinha sofrendo ameaças de morte.

Francisco Fábio foi perseguido antes de ser assassinado. Três homens chegaram à residência da vítima, ao lado da igreja, na Rua 5, no Conjunto João Paulo II, e perguntaram por ele. Um parente alertou para o homem correr e o mesmo tentou fugir para a igreja. Os criminosos perseguiram Fábio e não se intimidaram com o local sacro. Cinco tiros foram disparados contra a cabeça da vítima, que morreu ao lado do altar. Um veículo dava apoio para a fuga da quadrilha.



A Polícia Militar se deslocou para o local de homicídio e isolou a área, para a chegada da Perícia Forense do Ceará (Pefoce) e da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), da Polícia Civil, para ser iniciada a investigação do assassinato. "A Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) informa, por meio da Coordenadoria Integrada de Operações de Segurança (Ciops), que composições da Polícia Militar do Ceará (PMCE) estão em diligências, na noite deste domingo (01), visando capturar os autores de um homicídio ocorrido no Barroso - Área Integrada de Segurança 07 (AIS 07)", afirmou a Pasta, em nota.

Vítima saiu do presídio recentemente

De acordo com a Polícia Militar, Francisco Fábio saiu do presídio há cerca de 2 meses, após 10 anos encarcerado. Ele respondeu a pelo menos seis processos criminais.

Após ganhar a liberdade, Fábio estaria cometendo roubos na região onde morava com frequência, segundo informações apuradas pela Polícia.

Fonte: Diário do Nordeste, com informações do repórter Cléber Cavalcanti.
Tecnologia do Blogger.