Header Ads

Header ADS

TV Varjota em Destaque - Ao vivo

Vendedor com deficiência auditiva é morto a tiros por não ouvir ordem em blitz da PM



Policiais militares mataram, na sexta-feira (27), um vendedor com dois tiros nas costas. Cícero Leonardo dos Santos Silva, de 32 anos, segundo sua família, tinha problemas auditivos e não ouviu a ordem para estacionar sua motocicleta ao passar por uma blitz da Polícia Militar, no bairro Moura Brasil, e foi baleado.

Segundo familiares, Cícero, que trabalhava vendendo sandálias na feira, saíra de casa, no bairro Granja Portugal, para fazer uma entrega do produto quando, por volta das 9h, passou pela blitz na avenida Leste-Oeste e foi baleado com dois tiros nas costas. Cícero ainda chegou a ser socorrido e levado par uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA), mas não resistiu aos ferimentos.

Em depoimento, os policiais militares disseram que Cícero estava armado e que atirou primeiro, mesmo tendo sido alvejado pelas costas. A versão é contestada por populares que estavam no local e por familiares, que garantem que a vítima não tinha envolvimento com tráfico ou qualquer outro tipo de crime. Além disso, eles afirmam ainda que o trabalhador não possuía arma. O caso está sendo investigado pela Delegacia do Bairro Pirambu.

Ceará News 7
Tecnologia do Blogger.