Header Ads

Header ADS

TV Varjota em Destaque - Ao vivo

Jovem que matou ex a facadas durante sexo fará exame psiquiátrico para sair da cadeia




A Justiça determinou que Vania Basílio Rocha, de 21 anos, passe por exames psiquiátricos antes de poder deixar o presídio em Roraima. Condenada a 8 anos e 4 meses de prisão por esfaquear e matar o ex-namorado durante o sexo, a jovem já pode progredir para o regime semiabaerto, mas, antes, precisa passar por uma avaliação para determinar sua saúde mental.

Em 2016, um laudo apontou que Vania sofre de sociopatia e tem transtorno de personalidade. Ainda assim, o Ministério Público concedeu o benefício de progressão de regime.

Contudo, o juiz Adriano Lima Toldo ressalta que, apesar da concessão do benefício, a jovem “foi considerada semi-imputável, sem condições de sociabilizar naquele momento, o que demonstra a necessidade de realização de perícia psiquiátrica complementar para aferir a condição atual de saúde mental e periculosidade da reeducanda”.

Por conta disso, foi determinada a realização de uma nova avaliação.

Crime

Vania assassinou o ex-namorado a facadas durante o sexo em dezembro de 2015 e está presa desde então. A jovem confessou o crime e disse que “queria matar alguém”. Ela chegou a fazer um post no Facebook dizendo que foi uma má namorada.

No júri, em 2016, Vania foi condenada por homicídio qualificado. Meses depois, um laudo determinou o estado de sua saúde mental.

Informações Rede TV
Tecnologia do Blogger.