Header Ads

Header ADS

TV Varjota em Destaque - Ao vivo

Pescadores de Santa Quitéria são vítimas de golpe no seguro-defeso



Dois pescadores artesanais, residentes na zona rural de Santa Quitéria, procuraram nesta quinta (13), a Delegacia de Polícia Civil para prestar ocorrências de que foram vítimas de um golpe, quando tentaram sacar os pagamentos do "Seguro Defeso" na agência da Caixa Econômica Federal (CEF).

O Defeso é pago aos pescadores durante o período em que eles estão proibidos de trabalhar, para reprodução e conservação de determinadas espécies. Um salário mínimo é pago pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) para os pescadores cadastrados.
De acordo com a delegada Joseanna Oliveira, as vítimas chegaram no banco para efetuar os saques, mas descobriram que os benefícios foram sacados por outras pessoas, em outro estado do país.

A prática tem sido recorrente nos últimos meses em outros estados, como Amazonas, Piauí e Santa Catarina. Nestes casos, as colônias prejudicadas estão buscando à Justiça e a Polícia Federal, para que a CEF seja responsabilizada pelas fraudes envolvendo o Cartão Cidadão.
Uma dessas retiradas aconteceu na agência da cidade de Tabatinga, interior de São Paulo, na conta de um pescador da vila São Damião, comunidade ao entorno do açude Edson Queiroz e que depende diretamente da piscicultura para o seu sustento.

Um ofício foi enviado pela Delegacia de Polícia Civil para a Caixa Econômica Federal, solicitando mais detalhes dos locais onde foram retirados os benefícios e os procedimentos que serão feitos para o ressarcimento dos pescadores. O caso deverá ser transferido para a Delegacia de Tabatinga, para que as investigações sejam aprofundadas.

A Voz de Santa Quitéria
Tecnologia do Blogger.