Header Ads

Header ADS

TV Varjota em Destaque - Ao vivo

Ceará fecha o primeiro semestre de 2019 com 1.196 pessoas assassinadas, a maioria, na "guerra" das facções



O Ceará fechou o primeiro semestre de 2019 com um total de 1.196 pessoas assassinadas, numa média de 199 casos por mês. Entre as quatro regiões do estado, a Capital cearense foi a que apresentou maior número de Crimes Violentos, Letais e Intencionais (CVLIs) no período, com 339 homicídios, latrocínios (roubo seguido de morte) e lesões corporais que resultaram em óbito. A segunda, a Região Metropolitana, com 336 assassinatos.

Na comparação com o primeiro semestre do ano passado, que registrou 2.529 crimes, houve uma redução de 52.7 por cento. O levantamento foi feito pelo blogdofernandoribeiro a partir do acompanhamento diário das ocorrências de homicídios no estado.

Já nos números oficiais, apresentados nesta terça-feira pela Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), os índices divulgados diferem. Segundo a Pasta, 1.105 pessoas foram assassinadas no Ceará no primeiro semestre, não sendo contabilizadas as 82 mortes por intervenção policial e um óbito violento em presídio do Ceará.

De acordo com a SSPDS, em Fortaleza 53 pessoas foram mortas no mês de junho passado, contra 121 em junho de 2018, numa quedada ordem de 56.2 por cento.

Informações Fernando Ribeiro
Tecnologia do Blogger.