Header Ads

Header ADS

RÁDIO VARJOTA - AO VIVO NA TV

PM captura trio, apreende arma de fogo e recupera pertences roubados no centro de Fortaleza



Uma composição do Comando Tático Motorizado (Cotam) da Polícia Militar do Ceará (PMCE) capturou três indivíduos, na noite dessa segunda-feira (9), todos suspeitos de praticarem uma série de assaltos na região do Centro de Fortaleza, Área Integrada de Segurança 4 (AIS 4). Com eles, foram apreendidas uma arma de fogo, um simulacro e um veículo. Pertences das vítimas também foram localizados com o trio de infratores. O caso foi levado para a Delegacia da Criança e do Adolescente (DCA), onde foram tomadas as medidas cabíveis aos dois adultos e ao menor.

Os policiais estavam em patrulhamento pelas avenidas Duque de Caxias e Heráclito Graça, quando foram alertados por populares sobre três pessoas em um veículo Celta de cor vermelha, que tinham acabado de praticar um assalto nas proximidades. Após colherem as primeiras informações, os militares deram início às buscas até o momento que avistaram o automóvel citado, na Heráclito Graça. Foi dada ordem de parada ao condutor, mas este não atendeu a determinação e acelerou.

A equipe do Cotam iniciou a perseguição aos suspeitos, que efetuaram disparos de arma de fogo contra a viatura policial. Os militares revidaram e o carro dos suspeitos parou ao ser atingido nos pneus. Os infratores saíram do veículo e fugiram a pé, momento em que um deles voltou a atirar contra os policiais. Houve troca de tiros e Rubiceline de Lima Filho (19), sem antecedentes criminais, foi lesionado na perna e caiu. Os outros dois partícipes da ação criminosa, um adulto e um adolescente de 17 anos, se renderam e também foram capturados. O maior foi identificado como Francisco José de Sousa Vieira (20), com passagem pela Polícia por uso de drogas. Foram encontrados com eles um revólver calibre 38, municiado; e um simulacro. No carro utilizado pelo trio, foram achadas mochilas, bolsas e celulares, material roubado de vítimas. Rubiceline foi encaminhado a uma unidade de saúde, onde recebeu atendimento médico devido ao tiro sofrido durante o embate com os agentes de segurança.

O trio foi conduzido à Delegacia da Criança e do Adolescente (DCA), onde Rubiceline e Francisco José foram autuados em flagrante por roubo, porte ilegal de arma de fogo e corrupção de menores. Contra o menor, foi registrado ato infracional análogo ao crime de roubo. O veículo, a arma de fogo e o simulacro também foram levados para a especializada. Os pertences das vítimas foram restituídos.

Informações SSPDS
Tecnologia do Blogger.