Header Ads

Header ADS

Barbárie na guerra entre facções: corpo é deixado aos pedaços em Fortaleza

 


Cenas de barbárie humana foram registradas na manhã desta segunda-feira em uma estrada de terra no bairro Santa-Fé, no Grande Jangurussu, na zona Sul de Fortaleza. Um corpo de um homem foi deixado por assassinos aos pedaços, após a vítima ter sido morta a tiros. O cadáver esquartejado e decapitado foi encontrado por moradores do bairro, que se assustaram com a cena macabra e avisaram a Polícia.


Equipes da Perícia Forense do Estado do Ceará (Pefoce) e da Polícia Civil, através do seu Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa  (DHPP), foram acionadas para o atendimento à ocorrência.  Moradores que foram abordados pelos policiais preferiram ficar silentes, temendo represálias dos assassinos.


Para a Polícia, não restam dúvidas de que o crime, pela forma como foi praticado, foi um capítulo da interminável guerra entre facções criminosas que agem na periferia da Grande Fortaleza.


O cadáver estava completamente mutilado. Os criminosos arrancaram os braços, pernas e a cabeça da vítima. Em seguida, juntaram tudo e deixaram os pedaços do corpo amontoados na beira da estrada, como forma de intimidar os moradores e impor o estado de violência e pavor na comunidade Santa Fé.


Após a trégua


Crimes marcados pela crueldade, com pessoas degoladas, esquartejadas e carbonizadas voltaram a acontecer na Grande Fortaleza após um período de trégua no ano passado na guerra entre as facções Guardiões do Estado (GDE) e Comando Vermelho (CV) na disputa pelo comando do tráfico de drogas e de armas.


Informações Fernando Ribeiro

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.