Header Ads

Header ADS

Polícia prende peruano e outros quatro chefes de organização criminosa durante operação no Ceará




 Entre os presos na operação deflagrada pela Polícia Civil na manhã desta quinta-feira (27), no Ceará, estão um peruano investigado por tráfico de drogas e outros quatro homens com um cargo de chefia em uma organização criminosa. No total, 145 mandados de prisão foram cumpridos dentro e fora do sistema prisional.


Intitulada como "Aditum 3", a ação conta com a atuação de 350 agentes, que estão realizando o cumprimento de cerca de 300 mandados de prisão e busca e apreensão na capital e em outros 32 municípios do Estado. 


Segundo a Polícia Civil, 43 alvos da operação estavam em liberdade e foram presos. Desse número, cinco foram identificados com um cargo de chefia no grupo criminoso, entre eles, está o peruano e um homem apontado como responsável por guardar as armas de fogo que abasteciam a organização.


Além dessas prisões, conforme a polícia, também foram cumpridos 102 mandatos de prisão dentro do sistema prisional cearense. Dos recolhidos, 25 são suspeitos de ocuparem cargos de chefia. 


A operação foi coordenada pela Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas (Draco), com coordenação do Departamento Técnico Operacional (DTO). A ação teve o objetivo de desarticular uma organização criminosa e cumpriu decisões judiciais contra pessoas que já possuíam antecedentes criminais por homicídios, tráfico de drogas, associação para o tráfico e lavagem de dinheiro.


Prisões



Pelo menos 14 pessoas suspeitas de fazer parte de uma organização criminosa foram presas em Fortaleza e em outras cidades do Ceará até 7h52.


Na capital, foram cumpridos 47 mandados e pelo menos doze homens foram presos e levados para o Complexo de Delegacias Especializadas (Code).


No interior do Estado, na cidade de Iguatu, a polícia cumpriu três mandados, que resultaram em duas prisões, além da apreensão de armas e drogas. Os detidos foram encaminhados para a Delegacia Regional.


Durante os mandados cumpridos, a polícia apreendeu drogas, armas e aparelhos celulares, que serão encaminhados para análise da Perícia Forense.


Fonte:DN

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.